Tratamento da Depressão Através da Hipnose no Recife

Tratamento da Depressão Através da Hipnose

Antes de falarmos do Tratamento da Depressão Através da Hipnose, precisamos falar um pouco da Depressão de forma geral para compreendermos melhor o papel da hipnose e sua correlação com a Depressão e, claro, o seu tratamento.

A Depressão é tida pela psiquiatria como uma doença, doença essa que tem na exacerbação da tristeza a sua principal característica. Além disso, há outros sintomas muito desagradáveis que a acompanham, tais como pessimismo, baixa autoestima, desânimo, cansaço, choro fácil e, aparentemente, sem motivos, desinteresse pela vida, apatia, falta de ânimo, sentimentos de  medo, insegurança, desesperança, desespero, desamparo e vazio

O grande problema é que a medicina olha para os exames bioquímicos de uma pessoa com Depressão e conclui que ela está com alterações na produção de serotonina, dopamina e outros neurotransmissores. E, seguindo essa lógica, obviamente procuram prescrever medicamentos para corrigir os níveis de produção deles.

Isso significa que a medicina olha para as consequências da Depressão e, curiosamente, afirmam que elas são a causa.  Ora, é justamente o contrário! Quando uma pessoa entra em Depressão, todo o seu sistema nervoso começa a entrar em colapso, a mente começa emitir sinais disfuncionais e o corpo reage a isso, alterando a produção dos neurotransmissores!

Ninguém, em sua sã consciência, iria dizer que uma criança com febre está doente porque a febre é uma doença e que para curar a criança, basta curar a febre. Não! A febre é sempre um sintoma de que algo não está bem, e que há alguma coisa que está causando isso, como uma inflamação, uma virose  ou mesmo um sofrimento emocional muito forte (crianças costumam ter febre após  tomarem um susto ou sofrerem alguma violência).

Minha História com a Depressão

Antes de me tornar hipnoterapeuta e depois psicólogo, eu trabalhei por quase uma década na indústria farmacêutica e o que eu vi me deixou estarrecido inúmeras vezes. Para não me alongar, lembro de um médico ao qual eu apresentei às 09:00 da manhã um novo medicamento para Depressão, alertando-o que se tratava de uma droga e que eu estava deixando farta documentação científica para que ele analisasse e visse seus benefícios (e, claro, seus efeitos colaterais). Eu imaginava que somente após alguns dias, após ter analisado a nova droga, ela iria começar a prescrever para um ou outro paciente… ledo engano! Menos de duas horas depois, já haviam 3 novos pacientes com receita na mão! Ou seja, o médico não estudou nada, não viu nada, simplesmente saiu prescrevendo. Infelizmente, com poucas e honrosas exceções, a maioria dos médicos que conheci não tinham nem tempo nem interesse em estudar detidamente uma nova droga antes de arriscar fazer os seus pacientes de cobaias, impelidos pelo marketing da indústria farmacêutica.

A Frustração dos Tratamentos Químicos da Depressão

Desde que comecei a atender pessoas com Depressão, tenho recebido muitos depoimentos frustrantes relativos aos tratamentos medicamentosos. Muitos relatam que, quando finalmente conseguiram uma ou outra droga que melhoraram o seu estado depressivo, e conseguiram conviver com os efeitos colaterais, foram surpreendidos com a afirmação de que iriam ter que tomar o medicamento pelo resto da vida… e muitos desses medicamentos custando um alto preço.

Afinal, Qual o Tratamento Mais Adequado para a Depressão?

Antes de mais nada, precisamos entender qual é o mecanismo de funcionamento da Depressão. Costumo dizer que quem sofre de Depressão sofre DE Pressão! Ou seja, invariavelmente, quem sofre de Depressão é porque chegou uma hora em que, a sua estrutura emocional, não conseguiu mais suportar os problemas que foram se acumulando, ao longo da vida. Então, chega uma hora em que o peso é tão grande, que a pessoa não consegue mais suportar e simplesmente sucumbe.
É justamente por isso que a maior parte das Depressões são acompanhadas de estados de ansiedade muito intensos. A pessoa fica paralisada, não tem forças para reagir. Quem olha do lado de fora, acha que a pessoa está estagnada quando, muitas vezes, o seu mundo interno está extremamente agitado, acelerado, gerando pensamentos de culpa, de angústia, de pessimismo, de autoacusação, etc.

Uma vez tudo isso exposto, fica fácil compreender que o melhor tratamento para a Depressão consiste em fazer com que os registros das emoções ruins, que causaram a Depressão, sejam reprocessados e a sua carga negativa seja eliminada. Não se trata de apagar a memória da pessoa, o que não existe, mas simplesmente, de se eliminar a dor e o sofrimento que as situações vividas trazem. Uma vez feito isso, e já temos tecnologia terapêutica eficiente para esse tratamento, fica mais fácil construir uma estrutura psíquica mais forte e positiva diante da vida. E isso é libertador!

Talvez a melhor notícia de todas é que o Tratamento da Depressão pode ser feito através da de técnicas avançadas de hipnose, com resultados muito melhores do que uma terapia convencional. Na verdade, a terapia da Depressão através da Hipnose apresenta uma vantagem a mais no caso da pessoa que sofre de Depressão, uma vez que é sempre um sacrifício demasiado enfrentar tratamentos longos e com poucas melhoras visíveis, o que acaba desestimulando a continuação do tratamento. Naturalmente, não estamos determinando prazos para a resolução do tratamento mas também não podemos deixar de enfatizar que nosso esforço é para atingirmos o objetivo no menor espaço de tempo possível, com a menor quantidade de sessões que conseguirmos!

Acreditamos no que fazemos e fazemos com amor. Entre em contato conosco e permita que possamos ajudar você!

 

Fale Conosco

Seu nome (obrigatório)

Seu telefone (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Assunto

Sua mensagem

Sobre Jair Soares Psicólogo

Jair Soares - Psicólogo (CRP02/17.569), Hipnoterapeuta e presidente da Associação Brasileira de Psicologia e Positiva e Coaching - ABRAPPO.

34 Comentários


  1. Oi doutor meu nome é Rayane.. Algum tempo estou sofrendo de Depressão.. Não consigo tomar decisões. Pra mim tomar uma decisão é a coisa mais difícil e quando eu tomo sempre volto a trás.. Faz 4 anos e nove meses que sou casada tenho duas filhas uma de 4 anos e a outra de 2 anos que em novembro completará 3 anos e eu não vejo a hora delas crescerem. Meu marido é muito ciumento então por causa de qualquer coisa me chama de idiota de imbecil diz que eu não sirvo pra nada.. Só pq tomo rivotril ele fica dizendo que sou doida… Obs: Vai te tratar tu é doida e isso me entristece tanto que quando começo a chorar não quero mais parar .. Mais sempre tomo a decisão de deixar ele e não consigo pq fico pensando quem irá sustentar minhas filhas no momento eu não posso trabalhar? eu já não suporto mais essa vida que eu estou vivendo por favor me ajuda Doutor? obrigado.

    Responder
  2. ILDERAN TAVARES MEIRA

    Boa noite !

    o problema não é comigo, mas com meu pai, ele caiu em depressão desde fevereiro recente, foram problemas pessoais relativo a acidente na família sem morte, mas que ele é muito apegado a pessoa, outro caso de internamento hospitalar onde a pessoa ficou 4 dias na UTI, faleceram também 3 amigos muito apegados a ele e depois disso, ele não é mais o mesmo, não dorme a noite e quando dorme passa uns 10 min e acorda pra ir ao sanitário que por sinal ele vai ao sanitário varias e varias vezes ao dia com a noite, a idade dele é 86 anos e todos estamos empenhados em dar o melhor pra ele, não sei mais o que fazer, já fomos a vários médicos e sempre passam medicamentos, mas infelizmente ele continua distante psicologicamente da familia. peço sua ajuda pra ver se conseguimos resolver o problema.

    atenciosamente

    ilderan

    Responder
    1. Jair Soares Psicólogo

      Ilderan, como explico aqui mesmo no site, quem sofre de depressão, sofre ‘De Pressão’.
      Logo, é possível modificar o estado emocional dele, utilizando-se técnicas adequadas e de reprocessamento profundo.
      A única questão é se ele quer ficar livre disso, realmente. Caso ele queira, tudo fica mais fácil.
      Enviei resposta Através do e-mail também.

      Responder
  3. Roberto Maia

    Sofro de depressão e ansiedade . Já tomei todo tipo de antedepressivo. Melhora com o tempo,mas depois volta. Já fiz terapia pra descobrir as causas. Até relatei o que penso ser elas, mas não adiantou. Não consegui botar pra fora os sentimentos. Quem sabe com hipnose consiga?

    Responder
    1. Jair Soares Psicólogo

      Olá, Telma.
      Entre em contato conosco, OK? ( 81 ) 99946-1911.

      Responder
  4. Michele conceiçao

    Estou sofrendo de depressao a tres semana tenho asiedade,sidrome do panico e nao sei mais o que faço.nao eestou tomando remedio mais quando nesesario tomo rivotrio sublingual,melhoro mais nao quero tomar remedio para sempre.tento mim enterte mais nao consigo a cabeça nao deixa o pensamento e sempre voltado para negatividade o que devo fazer.

    Responder
  5. Mário G.

    Bom dia Jair Soares,

    Entro em contato pois me interesso no tratamento da depressão através da hipnoterapia, minha noiva sofre de depressao devido a várias situações de sua vida que a afetam psicologicamente até hoje. Tomei conhecimento da hiponse a alguns meses e também de suas aplicações clinicas. Gostaria de saber quanto é o valor deste tratamento, se o doutor possui alguma clinica. Estou desesperado por um tratamento e eficaz para a minha noiva.

    Aguardo retorno.

    Atenciosamente.

    Responder

  6. Dr. A minha capacidade cognitiva de aprender estar comprometido ,falta memória passei em Economia na UFPE ,mas não consigo concluir , passei em História em Primeiro lugar geral e não consigo concluir, pois já estou com estafa mental de tanto ler e não produzir dinheiro Dr. Pesso sua ajuda para conseguir estudar no mínimo .Dr pesso ajuda sou mais ou menos parecido com o economista americano que deu origem ao filme uma mente obbrilhante com antidepresivos os amigos são impiedosos e nao economizam em difamações e ablasfêmia.Dr. é muito complicado viver com síndrome do pânico.

    Responder

  7. Dr.meu nome é Rodolfo Freitas Monteiro e fui diagnosticado pelo psiquiatra da universidade Católica com síndrome do pânico .Desde o ano 2004 não sou mais o mesmo Homem ,Ele prescreveu Cloridrato de paroxetina (benepax) e cocomitante com clonazepam para dormir , pois não tinha o sono rem reparador e sentia dor de cabeça constante (cefaléia) .Desde 2004 mais presiso dia 5 de fevereiro do ano mencionado o psiquiatra me diagnosticou com depressão e deferindo as palavras síndrome do pânico .Passei por vários tratamentos de abordagem como froidiana , gestat,heik e nao obtive um resutado de cura , até entrar em contato com o Dr. Reginaldo Rufino presidente da Assosiação Brasileira de Psicanalise e tive contato com um exemplo de hipnose quando em sala de aula Ele retrosedeu uma senhora de 30 anos aos seus 5 anos de idade pela regressão do seu inconsciente e pergunte se poderia levala ao ventre de sua genitora e o professor e psicanalista respondeu que sim mas ela poderia ter uma parada cardíaca sou observador e percebe que o mestre Rufino acabou com uma fobia que a mesma somatisava a muitos anos e o intesante é que na sala estave um médico do hospital memorial de Arcoverde o padre da Catedral de pesqueira e os professores da faculfade de Arcoverde de testemunha.Já tomei varios outros anti depresivos e tarja preta.Peso ajuda ao senhor pois ja fui internado na fazenda jaboticabau em são joaquim do monte .Pesso ajuda da hipnose para o ponto de trauma (id , ego,superego) que eu estou travado diante de tanto sofrimento psiquíco todas as vezes que desencadeia a adrenalina no sistema sanguíneo com receptadores de seretonina para ter paz e sair da zona de Pânico em me encontro desde 2004.Pesso ao ilustre terapeuta ajuda para mim .A fé sem obra é morta e remédio sem psicanálise só obtenho resultado momentâneo como o Sr. Sabe , depois vem o efeito rebote do fármaco e diante de tanto sofrimento não aguento mais ,pesso a nosso senhor jessus que me de paz e uma fé racional e nao consigo ,sou vìtima de agressoes verbais da família e vizinhos e até de autoridades humilhado , denigrido e o senhor e eu sabemos que é uma doença psíquica que é presiso levar a sério sem pilhéria nem galhardia dos que se dizem amigos e presiso urgente da vossa ajuda nao consigo ter uma boa memória ,capacidade de raciocínio lógico e não tenho consentração nas atividades mais elementaree da vida , sou seguidor do padre Paulo Ricardo , padre Jonas Abib e padre Léo da canção nova nada resouve a dor de cabeça constante , a taquicardia que somqtizei desde 2004.Pesso urgentemente sua ajuda de hipnose para ter uma vida de Homem normal .Dr pesso sua ajuda urgente .Dr pesso ajuda por favor de sua têcnica de hipnose.Dr. Pesso ajuda,Pois já estou um pouco doido com uma constante adrenalina no sangue e defiro sabemos que é uma doença.Dr.pesso sua ajuda.

    Responder

  8. Oi meu nome é clenia há sete meses fui diagnoticada com depressa pôs parto já fiz vários tratamento mais não consigo fica boa estou tomando luvox de 100mg no começo eu até estava melhorando mais está voltando todos os sitomas , sinto tonturas e agonia no coração e falta de ar já fiz todos os exames e a única coisa que tenho é gordura no fígado

    Responder
  9. Leda Maria de oliveira

    Boa noite Dr. Tenho muitosvtrumas de infância sofro muito com isso.acho que as pessoas não gosta o de mim até mesmo minhas filhas e meus parentes.choro incomparavelmente e muitas fezes não sei esplicar porque.tomo calmantes foticimos E a 9 anos desenvolvo crises convulsivas só basta eu passar por um extresse muito forte e não tomar por esquecimento minha medicação que logo tenho crise. Gostaria de saber se posso fazer a hipnose ? Hoje passei o dia chorando encima de cama ,não sei lidar com esta situação pois nao sei explicar oque estou sentindo so sei q tem muitos motivos
    Te passo ajuda .Boa noite

    Responder

  10. Caro jair, estou muito angustiado com o que esta acontecendo na minha casa e na minha vida. Minha mãe sofre de depressão e sempre que acontece alguma tragedia ou algo de ruim nas nossas vidas ela se poem pra baixo sofrendo muito, de chorar horas. Estou querendo ajudar muito ela, não gosto de ver ela assim. Me ajuda por favor!

    Responder
  11. Luciana soares da silva

    Boa noite já não sei o que fazer, já tentei me suicidar, e não conseguir .mais continuo com o mesmo sentimento
    Tomo 2 remédios um ansiolítico e ontro pra depressão. Me ajude não quero mais viver

    Responder
  12. Alcijohon Tavares dos Santos

    Boa tarde, estou a dois anos com depressão profunda, devido a uma desilusão amorosa, já passei por três psiquiatra e dois psicólogo, durante todo esse tempo com consultas e reverenciado conseguiram tirar tudo do pouco que eu tinha e nunca fiquei bom trazia apenas um pouco de alívio. mas bom ou voltar a ser feliz nunca consegui, comecei a pesquisar sobre ipnoze e eletrô choque, mas todos condenam a prática, hoje não consigo trabalhar e estudar estou apenas vegetando, já tentei suicídio, pois só vejo essa saída pra acabar com meu sofrimento, os médicos que mim atenderão, não tem um mínimo de ética, se for uma consulta pública você é tratador como um cachorro, se for particular, é tratado como um cliente mas nunca como um paciente não estou generalizando, isso apenas aconteceu com migo, ainda falaram que a maioria dos tratamentos com ipnoze, são feitos por charlatão, estou desesperado, pois preciso trabalhar e estudar não queria tirar minha vida está faltando apenas coragem pra isso, mas não posso viver assim, gostaria de uma resposta sobre tudo isso, e provavelmente um dia marcar uma consulta, sou de Petrolina PE.

    Responder

  13. meu nome e vanessa tenho 15 anos e tenho problemas com alto mutilação, me sinto culpada o tempo todo culpada de ter nascido eu, n tenho motivos pra isso,ora estou triste, ora feliz, sou agressiva e ja quis por varias vezes matar meu pai e um desejo de enfaquialo…n sei direito mais isso não e normal ne ? preciso de ajudo urgente, n qual o meu problema eu tento melhorar mais não consigo…se poder entrar em contado pelo meu facebook … Vanessa Bitternkurt

    Responder
  14. Meyriane bento

    Ola eu tenho 21 anos e esto com estes sintomas não tenho animo praviver eu poso estar com depressão?

    Responder

  15. Por favor, ajudem, minha mãe tem depressao, e o motivo disso foi na infância dela, e ela n se lembra. Por favor, a minha mãe já falou em se matar e tudo de mais, sempre choro por causa disso. Preciso de ajuda, ainda n vou falar o nome dela. Mas por favor, o que eu faço? Moro em João Pessoa. O que EU faço…?

    Responder

  16. Por favor, ajudem, minha mãe tem depressao, e o motivo disso foi na infância dela, e ela n se lembra. Por favor, a minha mãe já falou em se matar e tudo de mais, sempre choro por causa disso. Preciso de ajuda, ainda n vou falar o nome dela. Mas por favor, o que eu faço? Moro em João Pessoa. O que EU faço?

    Responder
  17. ELLEN ROSEMARY MAIA LEITE

    A MINHA ESPOSA, FOI ACOMETIDA DE UM AVC. ESQÊMICO, NO DIA 23 DE FEVEREIRO DE 2012, FICOU COM PROBLEMAS COM OS MEMBROS ESQUERDO, NO ENTANTO O QUE MAIS PREJUDICA É A CABEÇA, VEZ QUE FICOU COM SÍNDROME DO PÂNICO, POR ESTE MOTIVO, TEM MEDO DE TUDO, ATÉ MESMO DE ANDAR PROTEGIDA POR QUALQUER PESSOA, E ATÉ DE ALIMENTAÇÃO.

    Responder
  18. Cesar Augusto Ferreira dos Santos

    Jair, fiz duas formações em coaching e estou fazendo uma formação em PNL. Tenho interesse em fazer formações em hipnose. Sou de Natal e gostaria de fazer essa formação no nordeste. Gostaria de receber o seu calendário de cursos. Muito obrigado!

    Responder
  19. Mônica Barroso

    Prezado Dr. Jair,
    Gostaria de maiores informações sobre preço da sessão e disponibilidade de atendimento a domicílio. Meu pai é um professor universitário que ao aposentar-se passou a sentir sintomas de depressão e fobias de se deslocar de casa e tem associado um diagnóstico de Parkinsonismo. Aguardo contato!

    Att.
    Mônica Barroso

    Responder
  20. Marina Carrilho

    Passei por coisas na vida, que hoje tenho consciência de que elas são culpadas por muita coisa que acontece hoje, no meu presente e sei que podem atrapalhar ainda mais o meu futuro.
    Me encontro, há um certo tempo, com a auto-estima muito baixa, me pego diversas vezes chorando, dentre outras coisas, que prefiro não expôr aqui, porém, gostaria que me contactasse por email e me orientasse sobre qual o melhor tratamento e qual o valor da sua consulta, também o valor da hipnose , achei muito interessante.

    Aguardo retorno.
    Obrigada!

    Responder
  21. Sueli Cristina

    Prezado Sr.
    Tenho alguns traumas do passado que acredito ser empecilho para resolver meus problemas atuais, pois não consigo supera-los. Gostaria de saber se a hipnose poderia me ajudar.

    Responder
  22. Nogueira

    Jair Soares Psicólogo

    Eu tb tenho depressão a mais 20 anos e ansiedade e perda da noção do tempo.

    83988834903 meu zap ! existe esperança para mim !
    De 1998 a 2015

    Responder
  23. Thainá

    Doutor, sinto uma depressão profunda dentro de mim, não tenho ânimo pra nada, não tenho vontade de viver muitas vezes me perguntei porque Deus me colocou no mundo, nunca tive amor de mãe nem de pai, moro com minha avó, ela não me dá nada, mas ela é o amor da minha vida… Passo o dia trancada em um quarto escuro, choro por qualquer coisa e já pensei em me matar várias vezes. ?

    Responder

  24. Tenho um problema de depressão sério desenvolvido desde de 2001 até hoje não voltei a ser a mesma tenho medo de tudo das coisas mas simples da vida nunca mais dormir um sono reparador sempre cansada tem disposição para nada. Não tenho concentração para nada um exemplo: minha mente fica se perguntando como as pessoas conseguem levantar cedo com disposição é ir trabalhar o dia todo. Isso pra é quase impossível. Sei que minha mente e doente e que não sou normal como as outras pessoas mesmo tomando remédios pra depressão e insônia quando deito minha mente não relaxa continua muitos pensamentos embaralhando minha cabeça só pensamentos negativos e qd cochilo tem pesadelos e sonhos ruins acordo com muita falta de ar sempre acordo assustada e com medo
    Desejo muito nunca te nascido existido. Fui rejeitada desde da barriga da minha mãe e cresci assim rejeitada e maltratada pela família toda do meu pai sofri como Cinderela mais nunca virei princesa. Só comia as sobras dos pratos dos meus primos vestia as sobras das roupas sandália só usava qd quebrava as dos meus primos aí minha vó colocava um prego em baixo pra eu usar. Minha vó era tudo na minha vida me pegou pra criar sem pensar 2 vezes com a cara e a coragem tem teto e sem pão sofremos muito passávamos uma semana na casa de um outra semana na casa de outro assim fui crescendo. Não tenho vontade de nada muito menos de viver. Me chamo Simone não sei pq estou escrevendo tudo isso qualquer coisa desculpe o incomodo.

    Responder
    1. Jair Soares Psicólogo

      Prezada Simone.
      Costumo dizer que, quem sofre de Depressão, sofre, na verdade, De Pressão… O somatório de tudo que você viveu ficou profundamente registrado em seu inconsciente, interpretando a vida como algo o ruim e,principalmente, perigoso. E, perceba, isso não tem a ver com a sua consciência. Ou seja, mesmo que a pessoa nessa situação, resolva ter pensamentos positivos, não vai conseguir resolver realmente o problema. Isso porque o “software” da dor e do medo já estão registrados nas camadas mais profundas do seu psiquismo.
      Junte-se a isso, o fato de o Inconsciente ser ATEMPORAL, ou seja, não há tempo, não há passado. Para o Inconsciente, é sempre presente. Então, toda a dor que ficou registrada em você, fica continuamente vindo ao momento presente, o que faz com que os seus sistemas de alerta, de defesa instintivos, fiquem hiperativados. Logo, você fica com hiperprodução de adrenalina, e a adrenalina paralisa você e deixa você sempre com a sensação de perigo e de medo, continuamente.

      Para resolver isso, o caminho é reprocessar essas dores e emoções dolorosas, não apagando elas da sua vida, da sua mente, mas retirando a carga de dor das situações vividas. Ou seja, você até irá se lembrar de tudo o que aconteceu mas te traz mais dor nem tristeza. Dessa forma seu psiquismo estará livre e poderá se ocupar com situações mais importantes do que ficar lidando com o medo e insegurança de um passado que teima em ser presente.

      Estou contactando você por e-mail, adicionalmente.

      Obrigado pela sua participação.

      Responder
    2. Nogueira

      simone eu tb tenho depressão a mais 20 anos e ansiedade e perda da noção do tempo.
      Gostaria de conhecer sua história.
      83988834903 meu zap.

      De 1998 a 2015

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *